segunda-feira, maio 05, 2008

Explicações de embarque e desembarque de aeroportos

Caraca voltei! - Desculpem a ausência galera, mas estive com problemas na minha conexão da internet, mas vamos lá...

Seguinte, na semana passada fui trabalhar na Reatech, em São Paulo pela ONG Espaço Novo Ser e ao chegar no aeroporto Santos Dumont me liguei que muita gente sempre quer saber como é o nosso procedimento de embarque nas viagens aéreas.

Bom, é que eu quando trabalhava com o pessoal do CVI-Rio até demos alguns cursos para empresas aéreas sobre como proceder corretamente com pessoas com deficiência, e por conta dessa experiência vamos aproveitar para falar sobre...




Estacionamento: Todo aeroporto tem seu amplo estacionamento reservado, sendo que no Santos Dumont e em alguns outros na frente do hall principal existe este para paradas rápidas de embarque e desembarque, e serviços de taxi para saídas e chegadas ao local.





Ainda no hall principal e em outros lugares públicos o mesmo problema de sempre para os cadeirantes; caixa 24h inacessível - e olha que este em questão tinha até o símbolo internacional de acesso, mas a tela é alta demais, assim como algumas teclas.


Procedimentos facilitadores:
  • para quem tem alguma deficiência restritiva de mobilidade ou comunicação é importante chegar em torno de uma hora mais cedo para fazer o check in sem complicações, e postar logo a bagagem extra para o destino sendo que a cadeira de rodas nós podemos etiquetar no check in, e ficar com ela até a transferência para o assento da aeronave;
  • para cadeiras motorizadas temos que atentar para as baterias; as de gel (modernas) podem ir sem problemas na cadeira de rodas, mas as comuns de baterias com ácido, deve-se levar numa caixa de madeira toda fechada para as mesmas irem em separado (isso deve ser esclarecido no balcão) e providenciado pelo usuário com antecedência;
  • alguns aeroportos contam com os 'fingers' (corredores) de embarque, nos quais podemos ir sem problemas de cadeira até a aeronave (vide fotos abaixo), outros com escadas no avião o certo é subir/descer com a cadeira de rodas ou aquela com motor elétrico (da empresa) posicionada de costas à escada, com um funcionário em cada extremidade fazendo o transporte com mais segurança;
















  • ou ainda alguns que contam com os ambulifts, que são carros de carga equipados com elevadores - dá pra ir numa boa!
  • agora nos corredores dos assentos para quem tem maiores dificuldades como eu, tem que ser transferido no braço mesmo no procedimento de duas pessoas nos colocando ou tirando da cadeira para o banco e vice-versa.








Dica: conheci na viagem de volta uma aeronave muito boa para nós cadeirantes, o 727-700, com porta maior e grande espaço na primeira fila (foto); soube pela comissária que duas empresas aqui já as possuem a Varig e a Gol (cada uma com 2 aviões desse).

Bem pessoal coloquei aqui o que me ocorre de início na lembrança, no mais, algum outro macete ou dica mandem um post de resposta a este.

E dando bye bye, aos amigos de Sampa a gente volta com despedidas em Congonhas (que os procedimentos são os mesmos), e prometo que logo mando aqui minhas impressões da feira, valeu galera...!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Amigos,
este blog se destina ao nosso próprio aprimoramento.
Sejam bem-vindos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Na Rede


linkninja 468 60 Banners Link Ninja

lei 9610/98, art. 46:..."não constitui ofensa aos direitos autorais: I - a reprodução: a) na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos;(...)"





Copyright © dez/2007 . Todos direitos reservados. RSS Subscription: Entries RSS Comments RSS | Blogger Login, Designer by JeffersonMaia
Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
 
TOPO DA PÁGINA ↑